Aeróbico emagrece?

Quando pensamos em estratégias de emagrecimento logo vem na mente uma imagem como essa. “Se quero emagrecer preciso correr”. Quando o Dr. Cooper, no final dis anos 60 afirmou que todos precisavamos de atividades aeróbicas ele não estava apenas espalhando uma novidade mas criando uma tendência tão forte que é até hoje muito difundida. Mas, queridos, hoje eu quero contar pra vocês. O treino aeróbico é a pior estratégia possível para emagrecimento.

 

“Mas então quer dizer que aeróbico não emagrece?”

Emagrece sim! Mas não é a sua melhor opção. Boa notícia para quem estava pensando em comprar uma esteira pra não “gastar” com academia. Ma notícia pra quem já comprou 😦

 Pesquisas recentes sobre emagrecimento mostraram que treinos aeróbicos além de logos, provocam um aumento considerável na inflamação tecidual, estresse oxidativo e perda de tecido muscular. Se compararmos com exercícios intervalados de alta intensidade e treinos de força fica ainda mais visível essa desvantagem. Isso porque além de desenvolver os tecidos musculares esses outros tipos de treino, diferente do primeiro, ainda promovem um efeito de recuperação tecidual que pode facilmente ultrapassar 24h. Para isso o corpo irá gastar mais energia apenas pra se manter em repouso. Ainda por cima, os treinos assim são mais curtos e motivantes.

 Se você gosta de atividades aeróbicas não deixe de fazê-las. Se você se sente bem continue! Esse post é para aquelas pessoas que desejam emagrecer e “se matam” na esteira mesmo odiando a tarefa porque acreditam que precisam daquilo.

 Pra terminar vou mostrar um estudo que aglomerou outros 14 sobre esse assunto pra tentar verificar se havia um padrão entre eles. O objetivo era estudar a eficácia dos protocolos de treino aeróbio isolado em populações com excesso de peso e obesas. Somou-se 1847 pacientes, num período de 12 semanas até 12 meses (depenendo do estudo). No programa de 6 meses os indivíduos perderam, em média, 1,6 Kg e 2,2 cm de circunferência de abdominal. No programa de 12 meses os indivíduos perderam, em média, 1,7 Kg e 1,95 cm de circunferência abdominal. Resultados muito humildes. Os autores concluíram que: “O exercicio aeróbio isolado não é uma terapia efetiva para a perda de peso nestes pacientes e que oferece benefiícios modestos na pressão arterial e no perfil lipídico”.

 Minha conclusão? Faça aeróbicos sim. Mas apenas se gostar deles. Se quer emagrecer invista nos treinos HIIT e na musculação. E no tempo que sobrar, faça comidinhas saudáveis e aproveite pra sair com os amigos. 🙂

 Se você gostou desse post deixe um comentário aqui embaixo e compartilhe com os seus amigos. Beijão

 Fonte: Thorogood A, Mottillo S, Shimony A, Filion KB, Joseph L, Genest J, Pilote L, Poirier P, Schiffrin EL, Eisenberg MJ. Isolated aerobic exercise and weight loss: a systematic review and meta-analysis of randomized controlled trials. Am J Med. 2011 Aug;124(8):747-55

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s